Inicio Destaque ESPECIAL: OS MELHORES E PIORES PAIS DO CINEMA

ESPECIAL: OS MELHORES E PIORES PAIS DO CINEMA

Que pais você colocaria em sua lista?

357
0
COMPARTILHE

Com o dia dos pais chegando, é claro que não podíamos deixar de aproveitar o tema, não é? O mundo do cinema já nos trouxe figuras paternas que mais pareciam saídas de sonhos, já em outros casos, de pesadelos. Para comemorar o dia dos pais, selecionei cinco personagens que facilmente podem ser considerados alguns dos melhores pais do cinema. Também escolhi cinco casos de pais que não merecem o título. Estarei considerando pais biológicos e adotivos.

Se você acha que há um personagem que merecia estar nessa lista, não esqueça de deixar nos comentários.

PIORES

Jack Torrance – O Iluminado

À princípio, Jack Torrance parece um homem comum. Ele está tentando recomeçar sua vida depois de abandonar o álcool, que o levava a agredir sua família. Mas com o passar do filme – afundado no isolamento do Hotel Overlook – sua sanidade começa a sumir e ele se torna um maníaco que é capaz de matar sua própria mulher e filho com um machado.

Thanos – universo Marvel

O maior vilão do universo cinematográfico Marvel não entra na lista por dizimar metade da vida no universo, mas por sua relação com suas filhas adotivas Gamora e Nebula. Apesar de ser sua favorita, Gamora acabou sendo sacrificada por Thanos em troca da Joia da Alma. Nebula, no entanto, passou sua vida sendo torturada pelo pai e sendo obrigada a passar por dolorosos processos de aprimoramento de seu corpo. Não é a toa que ambas tinham sede de vingança.

Daniel Plainview – Sangue Negro

À princípio, parece que Daniel realmente se importa com o filho e age como um pai dedicado. Mas nada conseguia ser maior do que sua própria ganância, esquecendo seu filho a partir do momento em que ele deixa de servir seus propósitos. Depois que o menino sofre um acidente que o deixa surdo, Daniel o abandona friamente.

Sr. Wormwood – Matilda

Para analisar como o Sr. Wormwood é ruim como pai, basta analisar Matilda. Ela é uma garotinha adorável, meiga, genial e com super poderes. No entanto, ele e o resto da família sempre a trataram como um fardo que eles eram obrigados a aturar. Ele sempre está mais preocupado com seu próximo golpe do que com sua família.

Darth Vader – O Império Contra-Ataca

Apesar de ter se redimido no final, Darth Vader dificilmente pode ser listado como um exemplo de pai. Após se dar conta de que Luke Skywalker era seu filho, ele não poupou esforços para trazê-lo para o lado sombrio. Ele capturou seus aliados, chegando a torturar Han Solo no processo, lutou contra Luke e decepou sua mão.

MELHORES

John Q. Archibald – Um Ato de Coragem

Quando seu filho é diagnosticado com uma doença que requer um transplante de coração, John faz tudo ao seu alcance para conseguir o dinheiro para a cirurgia. No entanto, isso não é o bastante e ele se desespera com a possibilidade de perder o filho. Ele então toma medidas desesperadas e sequestra um grupo de pessoas no pronto-socorro de um grande hospital em troca do transplante do filho. Com o passar do tempo, os reféns logo simpatizam com a situação de John e se tornam seus aliados. Ele chega até mesmo oferecer o próprio coração para que seu filho viva.

Chris Gardner – Á Procura da Felicidade

Não bastasse ter que lidar com a falta de dinheiro, de uma casa e a busca desesperada por um emprego, ele tem que lidar com tudo isso enquanto cuida sozinho de seu filho. Por maiores que sejam as dificuldades, Chris sempre põe seu filho em primeiro lugar e se esforça ao máximo para garantir seu sustento.

Marlin – Procurando Nemo

Depois de perder sua esposa nos primeiros minutos do longa, e tendo apenas o pequeno Nemo ao seu lado, Marlin se torna super protetor e às vezes sufocante. Ele perde seu espírito aventureiro e passa a temer tudo que coloque seu filho em perigo. Mas quando Nemo é levado por mergulhadores, Marlin deixa de lado suas inseguranças e atravessa o oceano para encontrá-lo. Sua dedicação é tamanha que sua história é contada mundo afora pelos outros animais.

Daniel Hillard – Uma Babá Quase Perfeita

Sendo interpretado por ninguém menos que Robin Williams, fica claro que esse é um pai super divertido e engraçado. Mas o que o coloca nessa lista é seu amor e devoção incondicional por seus filhos. Depois que sua esposa pede o divórcio, seu contato com os filhos fica bem menor. Para conseguir ficar com as crianças o máximo que pode ele se disfarça de mulher para poder ser a babá dos próprios filhos.

Guido Orefice – A Vida é Bela

Imagine ser pai em um campo de concentração durante a Segunda Guerra Mundial? Guido não só salva a vida de seu filho constantemente, mas consegue transformar um dos cenários mais trágicos da história em uma aventura para a mente de seu pequeno filho. Ele cria a narrativa de que todos estão em uma competição que renderá um tanque de guerra ao vencedor. Apesar de seus vários sacrifícios, Guido não só salva a vida do filho, mas salva sua inocência dos horrores da guerra.

Anuncie no Cinemaginando
Anuncie no Cinemaginando
Anuncie no Cinemaginando