Inicio Destaque ESPECIAL: AS MELHORES E PIORES BILHETERIAS DE FILMES DE GAMES

ESPECIAL: AS MELHORES E PIORES BILHETERIAS DE FILMES DE GAMES

Até nos casos de sucesso... essas adaptações têm problemas.

259
0
COMPARTILHE

video-game-movies

Bons videogames com histórias que dariam um bom filme não faltam por aí, mas infelizmente, essas adaptações ainda estão longe de ser um sucesso de crítica. No entanto, alguns filmes podem acabar sendo um sucesso nas bilheterias independente de uma porcentagem de aprovação no Rotten Tomatoes. Por mais que não seja querida por muitos críticos, a saga Resident Evil conseguiu lançar seis longas e, dependendo do resultado do mais novo filme, pode chegar à marca de US$ 1 bilhão ao longo de seus quinze anos nos cinemas. No entanto, vamos analisar aqui os cinco filmes de games com as melhores e piores bilheterias da história. Não estaremos considerando o faturamento da franquia no total, apenas o resultado de um único filme.

FRACASSOS

5- In the Name of the King: Dungeon Siege (US$ 13 milhões)

dungeon-siege

Antes de qualquer coisa, saiba que você vai ver muito o nome Uwe Boll nessa lista. O diretor alemão é conhecido como o Ed Wood da nossa época por suas produções trash e sem qualquer medo de usar e abusar da violência. Dungeon Siege pode não ser um jogo de grande sucesso, mas ainda assim, Bowl conseguiu Jason Statham e Ron Perlman em seu elenco e US$ 60 milhões para rodar a adaptação. Pois é… 60 milhões de dólares!!!!!

4- Alone in the Dark (US$ 10 milhões)

alone-in-the-dark

Esse não é apenas considerado um dos piores filmes de games da história. Alone in the Dark é considerado um dos piores FILMES da história. Alguém adivinha quem é o diretor por trás dessa obra-prima? Uwe Boll, claro! Christian Slater estrela esse desastre na pele de um investigador de casos sobrenaturais e Tara Reid vive sua namorada. Com um total de 117 críticas no Rotten Tomatoes, o filme obteve apenas 1% de aprovação no site!

3- Bloodrayne (US$ 3,6 milhões)

bloodrayne

O game original acompanha uma sensual híbrida de humano e vampiro que luta contra criaturas sobrenaturais. Considerando que os anos 2000 já contavam com franquias como Anjos da Noite e Resident Evil, você pensaria que foi a concorrência que acabou com as chances dessa adaptação. Mas, muito do fracasso é atribuído a uma pessoa que já está se tornando tema recorrente nessa matéria: Uwe Boll! Com péssimas performances de seu elenco – que inclui até mesmo o renomado Ben Kingsley – terríveis sequências de ação e um exagerado uso de violência, a única coisa que surpreende nesse clássico trash é o fato dele ter ganhado duas sequências!

2- Double Dragon (US$ 2,3 milhões)

double-dragon

Antes de qualquer coisa, Uwe Boll não está envolvido nessa catástrofe cinematográfica, não que isso torne esse filme melhor. Se aproveitando da febre Mortal Kombat dos anos 90, produtores decidiram investir na área com uma adaptação de Double Dragon. O problema é que o game, lançado nos anos 80, já não tinha mais a popularidade de antes. Como consequência, praticamente ninguém foi aos cinemas conferir a filme. Mas considerando as péssimas performances e trama rasa, entre outros items apontados pelos críticos, acabou sendo melhor assim.

1- Postal (US$ 146 mil)

postal

E é claro que o topo do ranking tinha que ser dele: Uwe Boll! Essa produção de US$ 15 milhões era para ser uma sátira à cultura pop e à política americana, mas a única “glória” que essa adaptação conseguiu foi a de ter a pior bilheteria da história dos filmes de games. Basta dizer que o longa contem um parque de diversões nazista e uma cena em que Verne Troyer (o Mini Mim, de Austin Powers) é estuprado por macacos.

SUCESSOS

5- Assassin’s Creed (US$ 202 milhões)

assassins-creed-filme-27ago2015-1_phixr

Apesar de ter sido massacrado pela crítica mundial, a adaptação de Assassin’s Creed já ultrapassou a barreira dos US$ 200 milhões em todo o mundo. No entanto, para a Ubisoft, isso ainda está longe de ser uma boa notícia. Tendo custado a bagatela de US$ 125 milhões (fora os gastos em marketing), alguns estipulam que o filme deve trazer um prejuízo de 75 a 100 milhões de dólares.

4- Tomb Raider (US$ 274 milhões)

tomb-raider

Sem dúvida, a sensualidade de Angelina Jolie no papel de Lara Croft foi um fator determinante para levar muito fã às salas de cinema. Infelizmente, a bilheteria final não foi grande o bastante para chamar essa adaptação de “sucesso”, mas o carisma de Jolie bastou para que o filme ganhasse uma sequência. No entanto, o segundo filme teve um resultado ainda pior, acabando com as esperanças de um terceiro filme e motivando um reboot, que chega aos cinemas em 2018.

3- Príncipe da Pérsia (US$ 335 milhões)

prince-or-persia

Esse é com certeza outro game de grande sucesso que renderia uma boa franquia cinematográfica nas mãos certas. Tudo parecia certo para que essa adaptação tivesse sucesso. Disney no comando, astros como Jake Gyllenhaal e Ben Kingsley no elenco, um visual muito fiel ao game e um gigantesco orçamento de US$ 200 milhões! No entanto, o filme dividiu os críticos e o público não pareceu muito impressionado com o longa. Até 2016, o longa tinha o título de maior bilheteria na história para uma adaptação de game. É rir para não chorar.

2- Angry Birds (US$ 349 milhões)

angry-birds-movie-main

Sim, acredite se quiser. Lançado anos depois da época de ouro do game Angry Birds, a animação obteve um resultado respeitável considerando que o longa dividiu os críticos e fãs. Os números finais só não foram considerados fracos graças ao orçamento do filme, de baixos US$ 73 milhões. Ao final das contas, o estúdio acabou conseguindo algum lucro, o que motivou o anúncio de uma sequência.

1- Warcraft (US$ 433 milhões)

Warcraft-Movie-Durotan-and-Orgrim-640x320

A esperada adaptação de um dos mais famosos jogos de RPG do mundo não teve a recepção que os fãs esperavam. Nos EUA, o filme nem sequer chegou aos US$ 50 milhões, o que apontava para um resultado desastroso que faria do longa uma das adaptações de games de maior fracasso nas bilheterias. Mas eis que a China chegou para salvar o dia. Só no país, o filme conseguiu mais de US$ 200 milhões, obtendo a quarta melhor bilheteria para um filme americano. Ainda assim, o longa rendeu um prejuízo de US$ 40 milhões e as coisas não parecem promissoras para uma sequência.

 

Anuncie no Cinemaginando
Anuncie no Cinemaginando
Anuncie no Cinemaginando

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here